x
x

Checklist do relacionamento saudável Aquele compilado de coisas pra verificar se o namoro tem futuro... ou não.

 

Quero começar já me desculpando por vir com a pinta de Hitch, o conselheiro amoroso - apesar de, como todo cara no alto da sua insegurança, em algum momento eu tenha desejado ter o abdômem (e a cara) do Will Smith. Mas a verdade é que todo mundo já teve um ou dois relacionamentos zoados, e isso te dá alguma propriedade pra passar o que funcionou e o que não funcionou pra você nos seus namoros passados.

 

Eu sou um cara uma pessoa, desde quando fazemos algo certo na primeira vez?

 

Concessões são positivas; sacrifícios, por outro lado...

A palavra "sacrifício" me incomoda, pois remete a dor. Parece que você está fazendo algo que te faz sofrer em troca de manter um relacionamento e isso consegue soar como algo extremamente imbecil a ser feito.

Concessão, por outro lado, é o ato de abdicar de algo em favor de outro – e isso soa muito altruísta, principalmente depois de ter uma das famosas...

 

Antes de tudo, é importante dizer que nem toda conversa é DR, mas toda DR precisa ser em forma de conversa - civilizada, calma, sem exaltações ou pratos voando. Conversar deveria ser algo agradável, e se você não gosta ou acha difícil conversar com seu namorado que tipo de relacionamento é esse? Cancela esse atraso de vida aí.

 

 

As vezes eu começo uma frase e não faço a mínima ideia de como ela vai continuar.

 

Conheça a pessoa com quem você está

Então. Relacionamento. Seu par é alguém com quem você vai acabar passando mais tempo do que sua família e seus amigos - principalmente se em algum ponto da vida vocês pretendem morar juntos. Portanto, vocês precisam se conhecer. De certo modo, seu par precisa ser um dos seus melhores amigos – senão pra que vocês tornariam isso sério, não é mesmo?

 

Você é a única pessoa que me conhece. Profundamente.

 

Esteja com alguém que te faça crescer

Um fato é: sua vida não é estacionamento pra ficar guardando gente parada. Não estou falando que a partir do momento que vocês começarem a namorar se inicia o cronômetro para alguém ganhar o primeiro milhão nos próximos doze meses ou que vocês precisam alcançar o nirvana por serem a parte ideal um do outro. Mas sempre pense: O boy não se desenvolve ou você não evolui nesse relacionamento em esfera nenhuma? Talvez seja hora de rever se compensa continuar com essa pessoa. 

 

Eu sempre vi a pessoa perfeita como alguém com quem eu poderia envelhecer.

 

Sinceridade é a palavra de ordem (e nunca é o sinônimo de grosseria)

Então, tem duas verdades universais. A primeira é que, às vezes, as pessoas que a gente gosta conseguem ser idiotas (deve ser algo no gene humano) e a segunda é: você precisa ser honesto sempre, mas de um jeito bacana. Pese suas palavras, sempre. Sabem aquelas pessoas que dizem que o maior defeito que elas possuem é a sinceridade em excesso? Pois é, na verdade essa pessoa é escrota. 

 

Eu sou só honesta

 

Você precisa se importar. Tipo, de verdade.

Todo mundo tem dramas na vida. Todo mundo vai ter um dia difícil uma hora ou outra. As pessoas tem dificuldade no trabalho, ficam doentes, ficam duros antes do fim do mês chegar... e às vezes, tudo o que você pode fazer como parceiro(a) é se importar - e acredite: é a coisa mais poderosa que você pode fazer por alguém. Se você não consegue mais se importar com os problemas e as questões da outra pessoa: por que vocês ainda estão em um relacionamento?

 

Nem todo mundo tem que estar feliz o tempo todo. Isso não é saúde mental, é besteira.

 

Vocês precisam querer estar juntos.

Essa é a questão definitiva. Pra manter um relacionamento, acima de tudo, você precisa querer estar nesse relacionamento. Precisa entender que amar é trabalhoso, mas que estar com alguém é, acima de tudo, uma escolha. E quando você faz essa escolha... é mágico.

 

Depois de fazer esse checklist, responda a si mesmo: eu deveria estar com essa pessoa? Se a resposta for sim... não a deixe ir embora, apesar das dificuldades.

 

 

Vai ser muito difícil. E vamos ter que trabalhar nisso todos os dias. Mas eu quero fazer isso, por que eu quero você.

 


Alexandre

Paulista de 25 anos, que ama spoilers e postar selfies e fotos comendo. Agora formado, finalmente sente que está passando pela transição formal para a vida adulta. Gosta de reflexões, entretenimento, relacionamento, se descrever em 3ª pessoa e relata tudo isso no seu blog - que, diga-se de passagem, está repleto de @alexandrices.

 

Artigos Relacionados:

Uma experiência única que você nunca irá esquecer

Cumprindo metas e (não) comemorando vitórias.

Os melhores momentos do nosso ator favorito

OPS!

Estamos com algum problema de conexão!

Por favor, atualize a página ou tente novamente mais tarde.